01 janeiro 2014

Ano Novo, Vida Nova (1.º de Janeiro de 2014)

Hoje, primeiro de janeiro de 2014, abre-se uma nova página, que deve ser grafada com tinta perene no livro de nossa vida, no sentido de fundamentar os anseios divinos para com a nossa conduta, o nosso comportamento e as nossas realizações.

Neste ritual de renovação, saibamos dar valor ao que é realmente substancial para o nosso progresso moral e espiritual. Assim sendo, devemos deixar de lado as rusgas, os melindres, os dissabores. Lembremo-nos apenas de nosso projeto de vida, que é alcançar a plena liberdade de nosso espírito imortal. 

Não é nada fácil mudar hábitos antigos, arraigados em nosso psiquismo. De qualquer forma, hoje é um dia para refletirmos sobre o que estamos fazendo de errado e o que pode ser melhorado: alimentação, vestuário, recreação, convívio com parentes e amigos etc. Em todas essas áreas, há algo a melhorar. Metamos mão à obra. 

Hic et nunc (aqui e agora) deve ser o nosso lema. Nada de deixar para amanhã o que pode ser realizado no dia de hoje: um texto escrito, uma amizade renovada, um aperto de mão. Tudo fica gravado na página do dia, que formará o livro de nossa vida, o qual levaremos para o além-túmulo.

A vida aí está. Talvez não como a quiséssemos, mas é a que se nos apresenta. Saibamos tirar proveito das circunstâncias, pois o tempo que se perde em lamentações não volta mais.  
ver mais