17 agosto 2009

47º Aniversário do Centro Espírita Ismael

O Centro Espírita Ismael, fundado em 15/08/2009, completou, em 15/08/2009, 47 anos de existência. Para comemorar esta data, anotamos:
1. Local. O evento realizou-se nas dependências do CEI, ou seja, na sala 25, da Av. Henri Janor, 141.
2. Abertura. Iniciou-se às 15h do dia 16/08/2009 (domingo). Coube à família David, especialmente André, Luciana, Carolina e Mariana, a abertura das solenidades.
3. Palavra do Presidente. O Sr. Sérgio Biagi Gregório (atual presidente e reeleito por mais três anos) apresentou os integrantes da nova diretoria, eleita em 15/08/2009, os quais serão responsáveis pelo destino do Centro até 15/08/2012. Os componentes são:
Presidente: Sérgio Biagi Gregório
Vice-Presidente: Terezinha de Fátima Sgulmar
Secretário Geral: Bismael Batista de Moraes
1.ª Secretária: Marli Dlugosz
2.ª Secretária: Ione Dias Rocha
1.º Tesoureiro: Norberto Paulino da Silva
2.º Tesoureiro: Edgar Lázaro Gonçalves
Apresentou, também, os membros do Conselho Fiscal e dos Departamentos.
Prestou contas dos pagamentos e recebimentos, realizados durante os seus três anos de mandato. Lembrou da compra de um imóvel de 300m2, intitulado Unidade 2, que serviu para a construção de 4 boas salas de aula.
Agradeceu aos que o antecederam e incentivou todos os que estão vindo para dar continuidade ao trabalho de divulgação doutrinária.
Salientou, também, a necessidade de sempre pautarmos a nossa conduta segundo os ditames da Doutrina Espírita, fio condutor do Espiritismo. Disse que a Doutrina deve estar na base, no fundo de qualquer ação, seja ela de que espécie for. Qualquer desvio, leva a outro desvio, este a outro e, quando menos percebermos, já estaremos muito distantes da própria essência espírita.
4. Música. Ivam Ricardo Rogério e sua família brindaram-nos com diversas músicas (a maioria já fez história).
5. Sorteios. André e Luciana comandaram os sorteios de livros, CDs e flores.
6. Teatro: “O Céu Pode Errar?” O ponto central do evento foi esta peça teatral. É a história de dois indivíduos que, ao passarem pelo portão do paraíso, tiveram as suas fichas trocadas: o que deveria ir para o inferno foi para o céu; o que deveria ir para o céu, foi para o inferno. As encenações se concentraram mais no inferno, visto que a pessoa que foi lá por engano, acabou doutrinando o diabo e o diabão, convencendo-os a retornarem ao céu.
A tese de que o céu não erra mostra que o mal, por mais que cresça, ele não poderá suplantar o bem. Este, no longo prazo, é o vencedor. Por isso, todos somos factíveis de retornar ao caminho do bem, pois este é o único e verdadeiro caminho. É a salvação de que nos fala o Evangelho.
7. Vídeo. Apresentação de um pequeno filme com as fotos dos atuais colaboradores do Centro Espírita Ismael.
8. Bolo. Maria Zanino, Edvanir, Eunice e Fátima cortaram e serviram pedaços de bolo para as pessoas presentes
9. Parabéns Ismael. Esteja sempre nos secundando e orientando os nossos passos. Que esta Casa possa, a cada ano, crescer em conhecimento e caridade ao próximo.

Nenhum comentário: