18 outubro 2010

Simpósio 2010

Realizou-se em 17 de outubro de 2010, das 9h às 17h30min, o 22.º Simpósio Espírita do Centro Espírita Ismael, cujo tema central foi: GOSTO PELAS ARTES: SINTOMA DE EVOLUÇÃO ESPIRITUAL.

Os sub-temas foram: Texto e representação despertando os Espíritos, por Aguinaldo Gabarrão (Diretor e ator teatral); Música, Medicina natural para a Alma", por Flávia Uhlmann (Professora); Melodia e ritmo, luzes para o equilíbrio, por Ione Dias Rocha (Arte Cênica); Versos e canções, antídotos contra o mal, por Paula Zamp (Intérprete popular).

O princípio que norteou as palestras: tomar consciência dos diferentes tipos de vibrações que a música proporciona ao ser humano, causando-lhe alegria ou tristeza. Foi um dia de muito aprendizado e de muita diversão.

Aproveitemos este evento para lembrarmos que a arte: 1) é um “sentimento interior” ou “experiência interior”, que é impossível dizer pelo pensamento discursivo; 2) teve uma história: 1º) a arte pagã enalteceu a perfeição da forma; 2º) a arte cristã ressaltou a beleza da alma sobre a beleza da forma, embora os seus autores tenham enfatizado o sofrimento e a morte; 3º) a arte espírita, sintetizando a arte pagã e a arte cristã, mostra a felicidade futura, sem as agruras do fogo eterno.

Em cada ser humano há um anelo à criatividade, à inovação, à manifestação de sua interioridade. Quantas coisas não podemos comunicar através da mímica, da música e da encenação teatral? Em vista disso, peguemos um papel em branco e tracemos alguns rabiscos e letras. Em pouco tempo, estaremos compondo poesias, músicas ou mesmo artigos sobre os mais diversos assuntos.

Nenhum comentário: